Todo mundo precisa de uma família, especialmente em tempos de crise

0
12
title=

A Covid-19 trouxe um estado de crise para o mundo inteiro e até um sentimento de pânico para muitos. Quando foi a última vez que você se lembrou de não conseguir sair de casa, exceto para necessidades essenciais? Onde eu moro no Condado de Riverside, agora não podemos sair sem uma máscara. Sou muito grato por minha família durante esse período – e não apenas pelos membros biológicos da família. Sou grato pela família de Deus.

Paulo escreve: “Por essa razão, ajoelho-me diante do Pai, do qual recebe o nome toda a família nos céus e na terra” (Efésios 3.14-15). Em meu estudo das Escrituras, descobri que a imagem da família é a ilustração mais importante da Igreja de Jesus Cristo. Paulo disse em I Timóteo 3.15: “mas, se eu demorar, saiba como as pessoas devem comportar-se na casa [família] de Deus, que é a igreja do Deus vivo, coluna e fundamento da verdade”. Todos nós precisamos de família.

Manual do Superv. de Células

Jovah Lima

Livro Projeto Natanael Três

Lucio Rodrigo

Livro Discipulado Fácil

Elvis Oliveira

Livro Paternidade Espiritual

Whodson Almeida

Mas como nos reunimos em família quando não podemos nos reunir em grupos (em Los Angeles, onde minha célula se reúne, é proibido se reunir em pequenos grupos, mesmo com menos de 10 pessoas)? Temos nos reunido através do aplicativo Zoom toda segunda-feira à noite. Nossa célula no Zoom segue a palavra ministrada no domingo de manhã, transmitida ao vivo no Facebook. Nossa célula se reuniu por três semanas e eu tenho várias observações de nossas reuniões pelo Zoom:

1. Este não é um estado permanente! As reuniões com o Zoom podem ser mais confortáveis, mas os aplicativos de vídeo não devem substituir a interação cara a cara quando a crise passar (eu me pergunto se isso será uma tentação no futuro, assim como alguns preferem assistir a um pregador pela TV do que se reunir com o corpo local).

2. A célula no Zoom oferece continuidade semana após semana e ajuda os membros espirituais da família a aplicarem a palavra de Deus e a permanecerem conectados.

3. Sem limites físicos. Temos 8 membros principais em nossa célula, mas via Zoom, tivemos cerca de 12 pessoas presentes – pessoas da Flórida, Maryland e Santa Monica na Califórnia. Alguns deles são pessoas sem igreja. No entanto, após o término da crise, é essencial que essas pessoas encontrem uma igreja local perto de onde moram. Gosto de lembrar aos membros do núcleo que a célula é para membros da igreja local ou para aqueles que não têm uma igreja evangélica (não-salvos, pessoas sem igrejas, etc.)

4. Feche o microfone das pessoas que não estão falando. Tornei-me muito mais rígido em silenciar todo mundo, exceto a pessoa que está falando. Caso contrário, a reunião pode ficar caótica.

5. O momento de louvor parece mais difícil no Zoom. Estamos descobrindo como transmitir músicas para que todos possam ouvir, mas falhamos três vezes seguidas. Na semana passada, voltamos a cantar à capela.

A igreja de Jesus Cristo se ajustou ao longo dos séculos. A Igreja Primitiva não tinha um local para reunião nos primeiros cem anos de existência. A igreja do século XXI agora foi forçada a uma situação semelhante. A boa notícia é que muitas igrejas estão acordando para a importância do ministério de casa em casa como a nova prioridade para o futuro. Que assim seja!

Fonte