Quando o líder perde o seu chamado

0
109

O chamado de Deus acontece nas nossas vidas de muitas formas. Ele chega para suprir às necessidades do Reino e para nos colocar à disposição de Deus.

No livro de Juízes vemos a história de Sansão, um homem chamado por Deus para liderar o povo Israel e derrotar os filisteus. Apesar de uma responsabilidade digna de honra, Sansão nos mostra que nem sempre o bom começo é a garantia de um bom final.

Ele foi chamado para julgar o povo hebreu por 40 anos, mas só permaneceu por 20 anos. Tinha toda a força do Senhor em suas mãos, mas perdeu, assim como um líder,  seu chamado.

Sansão escolheu andar só. Isso aconteceu porque decidiu não ouvir o conselho dos seus pais. Os homens de Deus sempre estavam debaixo de uma cobertura, de grandes mentores. Davi contou com o confronto do profeta Natã, já Josué estava lado a lado com Moisés.

Se isolar é um indicio de que estamos escondendo algo, que não queremos prestar conta com a nossa liderança. Quando alguém se fecha e não abre o coração para confessar, perde a qualidade de ser transparente. A pessoa que presta contas está pronta para ouvir e disponível para servir com amor.

Sansão perdeu a capacidade de aprender. É difícil aprender quando achamos que sabemos de tudo. Parar de aprender é como regredir. Sansão errou muitas vezes, mas não aprendeu com seus erros. Primeiro casou com uma mulher que não era do seu povo, tocou em um leão morto mesmo sabendo que era um nazireu (não poderia tocar em qualquer tipo de cadáver) e errou ao deita-se com Dalila. A todo momento estava surdo aos conselhos e ensinamentos de seus pais.

Não estamos livres dos erros, contudo não podemos ter falta de caráter. Sansão perdeu o caráter por se envaidecer com sua força, com um dom vindo de Deus. Ele era forte, mas não tinha capacidade de dominar os desejos da alma, não tinha o costume de pensar antes de agir.

Por não reparar na fraqueza da sua alma, brincou com o pecado, pois dentro dele havia sido gerado uma autoconfiança, algo comum de alguém que está envolto ao pecado e afastando-se de Deus. E, dessa forma, a presença de Deus escapou de sua vida. Muitos acham que Sansão perdeu a visão após perder sua força, mas é ao contrário: ele primeiro perdeu a visão e o foco nas coisas de Deus. Ele tinha uma unção e a profanou.

Deus não deixou estes exemplos na Bíblia para entristecer ou amedrontar o seu povo, mas para nos alertar e gerar dentro de nós um santo temor, para que levemos mais a sério o chamado de Deus para as nossas vidas. Um dia vamos prestar contas com Deus e precisamos estar íntegros no dia em que o Senhor nos consultar.

Natasha Carvalho – com ideias do pastor Jango Guimarães

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA